Presidente da Câmara de Vereadores de Boa Vista é alvo de operação da PF que investiga tráfico de drogas

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (5) a operação Tânatos, que investiga uma associação criminosa dedicada ao tráfico interestadual de drogas que contaria com a participação do vereador Genilson Costa (SD), presidente da Câmara de Vereadores de Boa Vista.

O g1 procurou a Assessoria de Comunicação da Câmara que informou que irá se posicionar sobre o assunto em breve.

Mais de 60 policiais federais cumprem 11 mandados de busca e apreensão nas cidades de Boa Vista e Alto Alegre, expedidos pela Vara de Entorpecentes e Organizações Criminosas do Estado de Roraima.

Conforme a PF, as investigações iniciaram em dezembro de 2020, com a prisão em flagrante de um dos principais suspeitos de integrar a associação. Desde então, foram apreendidos mais de 50kg de skunk, 3 veículos de luxo e mais de R$ 70 mil em espécie em decorrência das investigações.

Vereador Genilson Costa (SD) — Foto: Reprodução/Facebook/Genilson Costa

O grupo seria responsável pelo envio de drogas oriundas do estado do Amazonas com o objetivo de abastecer o mercado ilícito de Roraima, com o uso de aviões e veículos para o transporte das drogas.

O inquérito policial aponta que Genilson Costa atuaria como um possível ?colaborador? do grupo, disponibilizando veículos para o transporte das drogas.

Também há indícios da participação de um piloto de avião que seria conhecido por prestar serviços ilegais em regiões de garimpo no estado.

O grupo teria movimentado mais de R$ 500 mil em menos de 8 meses. As investigações seguem em andamento, informou a PF.

*O nome da operação faz alusão ao submundo do crime vinculado ao contexto do narcotráfico.

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira, a operação Tânatos. — Foto: PF/Divulagção

Fonte Click PB

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: