Polícia Civil deflagra operação contra fraude na compra de merenda escolar

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) e o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) deflagram, na manhã desta quarta-feira (9), duas operações com o objetivo de apurar fraude cometida por um suposto grupo de agentes públicos vinculados à Secretaria de Educação. Eles estariam atuando com a iniciativa privada para fraudar procedimentos licitatórios.

As investigações indicam que empresários do ramo alimentício estariam ligados a fraudes em licitações de alimentação escolar, direcionando editais da terceirização de merenda para empresas pré-determinadas. Também há suspeita de irregularidades na contratação de vídeoaulas e alteração de parâmetros nutricionais de proteína, beneficiando os fornecedores.

Por meio da Divisão Especial de Repressão à Corrupção da CECOR (DECOR/CECOR), e com apoio da Controladoria Geral da União (CGU), os agentes cumprem 26 mandados de busca e apreensão em órgãos públicos, residências de servidores, de ex-servidores e de particulares, e em empresas envolvidas nas licitações. Além do DF, as buscas também são realizadas nos estados de São Paulo e Piauí.

Fonte Click PB

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: