Mbappé e Neymar comandam vitória do PSG sobre o Bayern na Champions

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) — O brasileiro Neymar foi protagonista na vitória por 3 a 2 do Paris Saint-Germain sobre o Bayern de Munique, nesta quarta-feira (7), em Munique, no jogo de ida das quartas de final da Champions League.

Com duas assistências, uma para Kylian Mbappé e outra para Marquinhos, o atacante liderou sua equipe na Alemanha. Após terem aberto 2 a 0 ainda no primeiro tempo, os franceses chegaram a sofrer o empate, mas venceram com mais um gol de Mbappé na etapa final.

No duelo que reeditou a decisão europeia da última temporada, quando o Bayern ficou com o título, Choupo-Moting (ex-jogador do PSG) e Thomas Müller marcaram os gols do time bávaro, que agora precisará reverter a série no confronto da semana que vem.
A partida de volta acontece na próxima terça-feira (13), no Parque dos Príncipes, em Paris.

A atuação convincente de Neymar diminui a pressão que havia sobre o camisa 10 depois da expulsão no último fim de semana, em jogo contra o Lille, pelo Campeonato Francês. Foi o quarto cartão vermelho do brasileiro desde que chegou ao clube, atual vice-líder da Ligue 1.

Nesta quarta-feira, pouco antes do terceiro minuto de partida, ele roubou a bola de Kimmich no meio de campo e iniciou contra-ataque do PSG. O atacante carregou até a entrada da área e ameaçou chutar no gol, mas rolou para Mbappé, que bateu e contou com falha de Neuer para abrir o placar.

Em desvantagem dentro da própria casa, o Bayern pressionou os franceses e ameaçou mais de uma vez a meta de Keylor Navas, mas a equipe do técnico Mauricio Pochettino conseguiu segurar o ímpeto dos bávaros antes de castigar a defesa adversária mais uma vez.

Após cobrança curta de escanteio pela direita, Di María cruzou para a área e a defesa do Bayern cortou. No rebote, com a zaga alemã saindo para pressionar, Neymar viu Marquinhos em condição legal e cruzou de perna esquerda, na medida para o zagueiro dominar e, de frente com Neuer, finalizar na saída do goleiro para marcar o segundo, aos 28.

O Bayern ainda descontou no primeiro tempo, com Choupo-Moting, que cabeceou firme o cruzamento de Pavard pela direita. Precisando correr atrás do resultado, o técnico Hansi Flick fez duas alterações ainda antes do intervalo, promovendo as entradas de Davies e Boateng.

Na volta para o segundo tempo, os bávaros conseguiram diminuir o prejuízo novamente. Kimmich cobrou na falta na medida para Thomas Müller, que finalizou de cabeça para deixar tudo igual na Allianz Arena, aos 15 minutos.

A equipe alemã, contudo, não teve muito tempo para pensar na virada. Oito minutos depois do empate, em contra-ataque do Paris Saint-Germain, Mbappé recebeu na esquerda, encarou Boateng na jogada individual e cortou para o meio antes de bater rasteiro e recolocar os parisienses na frente.

No outro duelo desta quarta pelas quartas de final da Champions, o Chelsea venceu o Porto por 2 a 0, em Sevilla, e encaminhou a classificação dos ingleses à semifinal europeia — os dois jogos serão disputados no estádio Ramón Sánchez Pizjuán, na cidade espanhola.

Comandado por Thomas Tuchel, vice-campeão na temporada passada com o PSG, o time londrino abriu o placar com Mason Mount, aos 32 minutos de partida. O meia-atacante recebeu passe na entrada da área, girou em cima da marcação e chutou cruzado para superar Marchesín.

No segundo tempo, o Chelsea administrava o jogo quando ampliou a vantagem, já aos 40 da etapa final. Kovacic lançou do campo de defesa nos pés de Corona. O jogador do Porto, porém, não viu a chegada de Chilwell, que roubou a bola do mexicano, partiu em direção ao gol e driblou Marchesín para marcar o segundo e fechar a vitória em Sevilha.

Fonte Click PB

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: