Pianista brasileira ganha Grammy de melhor álbum de jazz latino pela 2ª vez

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – A pianista brasileira Eliane Elias venceu o Grammy 2022 de melhor álbum de jazz latino. “Mirror Mirror” foi o escolhido na categoria, anunciada antes da transmissão principal do prêmio, com início marcado para às 21h deste domingo (3).

O trabalho foi realizado em parceria com os também pianistas Chick Corea e Chucho Valdés. O primeiro, que faleceu em fevereiro deste ano, também foi premiado na categoria “solo de jazz improvisado” por “Humpty Dumpty”.

Paulistana de 62 anos, Eliane Elias também venceu a mesma categoria do Grammy em 2016 com o álbum de jazz “Made in Brazil” e, anteriormente, recebeu outras nove indicações. Ela não esteve presente na cerimônia realizada hoje.

CARREIRA E FILHA CANTORA

Segundo o jornal O Globo, Eliane toca piano desde os sete anos de idade. Filha de Lucy, uma pianista clássica, ela se mudou para Nova York em 1981, aos 21 anos, para tocar na banda Step Ahead. Eles gravaram um álbum em 1983.

Ela também trabalhou com o trompetista americano Randy Brecker, com que foi casada e tem uma filha, a cantora Amanda Brekcer.

Eliane Elias também lançou um projeto em parceria com o pianista Herbie Hancock. A publicação destaca que a brasileira passou a cantar em suas gravações no final da década de 1980.

A paulistana também foi premiada no Grammy Latino de 2017 por conta do trabalho realizado com o álbum “Dance of Time”.

Fonte Click PB

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: