Padrasto de criança que estava desaparecida é preso; ele teria confessado morte de Júlia

O padrasto de Júlia dos Anjos foi preso nesta terça-feira (12) pelo assassinato da menina. Júlia estava desaparecida desde a semana passada e o corpo foi localizado hoje (12).   Ele confessou o crime e mostrou aos polícias a mata onde estava o corpo da menina. 

De acordo com o delegado Rodolfo Santa Cruz, todo mundo suspeitava do padrasto e ele foi convencido a confessar o crime durante o último depoimento 

A garota Júlia dos Anjos tinha 12 anos e sumiu na última quinta-feira (7) no bairro de Gramame.  A mãe da garota disse que a menina havia saído levando apenas o celular.

A mãe mostrou mensagens que Júlia tinha recebido através do Instagram por uma pessoa ainda não identificada. Na conversa, o perfil teria se oferecido para dar dicas de marketing digital para ela.

Fonte Click PB

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: