Marcus Alves debate economia e cultura em homenagem a Celso Furtado

O escritor e sociólogo Marcus Alves vai ministrar, nesta terça-feira (4), uma aula especial no curso livre Celso Furtado, promovido pelo Núcleo de Estudos Celso Furtado, da UFPB. “Vou mostrar a relação entre cultura e economia a partir do olhar desse economista que nos deixou uma obra fértil para entendermos nossa própria época”, disse Marcus Alves, que é doutor Sociologia pela Universidade de Brasília  (UnB), onde pesquisou a cultura no processo de integração da América Latina por meio do Mercosul.

Durante a aula, Marcus deve indicar, a partir de obras do Hermano José e de críticos como Antonio Cândido, a tomada de consciência de artistas e escritores brasileiros sobre o tema do desenvolvimento e subdesenvolvimento – principal eixo de formação do pensamento de Celso Furtado.

“Será uma homenagem ao Centenário de Celso Furtado, mas também uma ocasião para mostrarmos como ele abriu um terreno fértil para articular a relação entre economia e cultura”, finalizou o escritor. Ele comentou ainda que o pensamento de Celso Furtado tem uma força impressionante para construirmos saídas para algumas das nossos problemas  contemporâneos marcados pela lógica da concentração de renda e com crescente exclusão dos grupos periféricos e de trabalhadores. “O Brasil ainda não encontrou o seu caminho rumo ao desenvolvimento e ler Celso Furtado pode nos ajudar a entender o nosso rumo, os motivos de nosso atraso e o lugar da cultura nesse processo”.

Fonte Click PB

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: