Depois de impasses e reviravoltas, Câmara de Bayeux inicia eleição indireta para prefeitura

Depois de idas e vindas, decisões e reviravoltas, Câmara de Bayeux iniciou por volta das 15h, a sessão extraordinária para a votação da eleição indireta para o cargo de prefeito e vice da cidade. O eleito será o quinto gestor a ocupar a administração em menos de quatro anos. 

Nesse momento, cada vereador concorrente das chapas, terá 10 minutos para se expressar e pedir os votos. A chapa 5, liderada por Jefferson Kita, não esteve na sessão. A sessão está sendo acompanhada por moradores da cidade que em vários momentos se manifestaram com gritos na área externa (galeria) do plenário. 

No início foi lida a carta renúncia, do ex-prefeito Berg Lima, que gerou a realização da eleição indireta, assim como os artigos da Lei Orgânica do município e do edital referente a essa eleição. Apesar de terem sido inscritas seis chapas, apenas quatro concorreram ao pleito indireto. 

Fonte G1 Política

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: